Y.AZZ X B-MYWINGZ

y.azz e b-mywingz são Mariana Prista (voz, letras) e Margarida Adão (composição, produção). A dupla destacou-se com a vitória no EDP Live Bands 2019, feito que as levou até aos palcos dos festivais NOS Alive (Lisboa) e Mad Cool (Madrid) no mesmo ano. O álbum de estreia, Cycles (Sony), editado em 2021, tem captado a atenção do público e da crítica e revela-nos um apuramento da estética original do duo, um cruzamento perfeito entre R&B, Pop e Hip Hop.

Mariana e Margarida conheceram-se em Londres. Ambas estudantes na área da música – de Commercial Music Performance e Music Production, respetivamente – não tardou até que, entre conversas de café em Camden Town e a azáfama da vida londrina, nascesse o embrião do projeto que as viria a unir após o regresso a Portugal: y.azz x b-mywingz.

Em 2019 vencem a sexta edição do concurso EDP Live Bands. A voz e presença em palco de Mariana e os beats intrincados de Margarida, impressionam de forma unânime o público e o júri, e num ano de estreia verdadeiramente memorável, o duo atua em dois dos maiores palcos da Península Ibérica: o NOS Alive, em Portugal, e o Mad Cool, em Espanha. “Com uma voz que se cola de imediato ao ouvido e uma produção que nos deixa de queixo caído, elas darão que falar”, escreve a imprensa.

Em 2020, revelam os singles dis/closure e Did it All Again, que entram nas playlists de algumas das maiores rádios nacionais e que antecipam a estreia discográfica, que acontece com Cycles, álbum distribuído pela Sony Music.

Editado em Maio de 2021, Cycles conta com a colaboração de nomes emergentes da música portuguesa como KOMET, em Did It All Again, e funde paisagens sonoras distintas num só álbum grandioso e multidimensional que navega algures entre o R&B, o Pop e o Hip Hop e onde encontramos a influência clara de The Weeknd, Jorja Smith, Frank Ocean ou Mahalia.

Mas Cycles é mais do que a soma das suas inspirações. É um trabalho completo, profundo e com uma identidade própria vincada, que serve de carta de apresentação a uma das duplas mais promissoras da música portuguesa dos últimos tempos.

y.azz x b-mywingz não procuram ser quem não são. Nas letras e na voz simultaneamente poderosa e vulnerável de Mariana, encontramos essa genuinidade: a dupla olha de frente e com sinceridade os problemas da vida, do amor, à saúde mental, ao crescimento, e é na complementaridade entre estes temas e as inovadoras composições de Margarida – onde nunca deixa de sobressair uma certa portugalidade, por exemplo, na guitarra portuguesa de Pedro Dias em dis/closure – que se destaca a invulgar qualidade do projeto y.azz x b-mywingz, dupla à qual se antevê um futuro abundante.

‘A mistura deste duo dinâmico, explosivamente impulsiva, convidativa, requintada, eleva-as ao patamar das mais impactantes e emergentes artistas do seio da música portuguesa.’ Punch Magazine